segunda-feira, 7 de dezembro de 2020

MAIA TENTA DIVIDIR ‘CENTRÃO’, E BIVAR ENTRA NA DISPUTA

 


POR CLAUDIO HUMBERTO
VIA DIÁRIO DO PODER
 08/12/2020
Irritado com a derrota no STF, Rodrigo Maia tenta desesperadamente derrotar Arthur Lira (PP-AL) na disputa pela presidência da Câmara, por isso procura um nome que divida o PP. Como Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) ou alguém filiado a partido do “centrão”, como Marcelo Ramos (PL-AM), que se presta ao papel de alguém da sua “confiança”. Mas é o experiente Luciano Bivar (PE), presidente do PSL, que, rompido com Bolsonaro, tem sido apontado como garantia de “independência” em relação ao governo.

RETA DE CHEGADA
 08/12/2020
Rodrigo Maia vive um drama: restam-lhe quinze dias no cargo. O recesso inicia no dia 22 e vai até 1º de fevereiro, quando o sucessor será eleito.

PODER MUDOU DE LOCAL
 08/12/2020
Outro drama de Rodrigo Maia é a expectativa de poder do deputado Arthur Lira, cujo gabinete já é mais frequentado que o dele, na Câmara.

CAFEZINHO SERVIDO FRIO
 08/12/2020
Na coletiva, ontem, Rodrigo Maia parecia não perceber que está fora do jogo. Resta-lhe criticar, ameaçar e reclamar do cafezinho servido frio.


Nenhum comentário:

Postar um comentário