quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

COVID-19: pânico e mortes que poderiam ser evitadas

 


O ÚNICO PROFISSIONAL CAPAZ DE SABER O MELHOR TRATAMENTO PARA O SEU CASO, É O MÉDICO. SEU MÉDICO É O MAIS INDICADO E O QUE MELHOR SABE COMO LHE TRATAR!

Dito isso, vamos aos fatos.

Tenho um amigo militar da reserva (Aeronáutica) – vale lembrar que ele deve ter uns 54 anos e possui algumas comorbidades – que mora em Brasília e em outubro de 2020, veio passar uns dias em Natal-RN. Depois de alguns dias aqui. começou a sentir sintomas da COVID-19. Não pensou duas vezes e entrou com procedimento preventivo que trouxe com ele de Brasília. Hidroxicloroquina, Ivermectina, vitamina D e Zinco.

Para minha surpresa no 2° dia de tratamento ele já estava fazendo “live” comigo e outros amigos, e nem parecia que estava com a doença, que foi constatada, por meio de exame, três dias depois dele ter começado o tratamento.

Depois de alguns dias, tomando todas as precauções, ele retornou para sua casa em Brasília, mas fez questão de me deixar um “kit” completo de tratamento precoce para combate ao vírus Chinês.

Cerca de 10 dias atrás, por volta das 20h, meu corpo começou a tremer com muito calafrios, febre alta, dor no corpo e muita dor na cabeça. Lembrei-me de meu amigo que dizia: “Não espere, ao sentir os sintomas do vírus, entre com o protocolo”.

Naquela hora percebi que o “kit” era o “Paraquedas” que eu tinha em mãos. Ao ponderar a veracidade do tratamento precoce, lembrei-me também de nunca ter visto a ANVISA ter certificado chá de alho, eucalipto, beterraba com cenoura, óleo de copaíba, banha de sucuriju, ervas de passarinhos, entre tantos outros remédios, que temos “comprovadamente” usado em nosso dia a dia para tratar diferentes tipos de doenças, desde nossos avós, e que dão certo. Quem nunca tomou uma “canjinha de galinha”?

Resolvi arriscar e pulei com aquele “paraquedas”. Primeiro dia, após a primeira dose, já me senti melhor, mesmo ainda com dores no corpo. Segundo dia de tratamento, muito melhor. Terceiro dia, eu já estava em dúvida se era a COVID-19 mesmo que eu teria pego. Não podia ser! Uma doença que estava matando tantas pessoas por quase 1 ano e levando a economia do Brasil à falência, ser dizimada em 3 dias de tratamento em casa? Porém, veio o resultado do exame, e sim, eu estava com COVID-19. Quarto dia em diante, nem parece que tive a doença.

Um outro amigo aqui da cidade, Juiz de Direito, com seus 60 e poucos anos, diabético e hipertenso, me disse dos sintomas que estava sentindo. Eu estava no meu terceiro dia de tratamento. Não pensei duas vezes, sugeri para que entrasse no tratamento precoce mesmo antes de fazer os exames. Resultado, no terceiro dia de tratamento, quando saiu o resultado do exame dando positivo para a doença chinesa, ele não tinha mais nenhum sintoma. Está ótimo, graças a Deus por nós todos. Hoje estou no décimo primeiro dia.

Qual foi o intuito de passar essa experiência para vocês?

Em primeiro lugar foi tirar dúvidas daqueles que ainda ficam com receio de usar o tratamento precoce.

Em segundo lugar, como puderam fazer isso com a população? Estamos há quase um ano sendo privados de nossos direitos. Entes queridos foram ceifados pelo simples fato do poder, ganância, dinheiro.

Fizeram um terror, meteram medo na população, gastaram muito e “roubaram muito”. Como não dizer “Bolsonaro tinha razão”?

Em minha opinião, claro que no começo e sem ter o conhecimentos que temos hoje, teríamos que tomar cuidado. Mas poderia ser dito: “Temos um tratamento que ainda não é comprovado, mas por ser uma doença nova e não termos estudo sobre ela, usaremos esse tratamento até surgir o remédio ou vacina correta”, e indicarem os remédios que já estavam sendo usados no continente africano.

Quantas pessoas morreram, quantas pessoas afastadas de seus lares? Tantas coisas ocorreram, inclusive a violência contra mulheres e crianças. Vejo que muitos políticos, e a própria mídia, são capazes de matar a família pelo ideal, poder e dinheiro. Matam por ódio, inveja, egoísmo. Só percebemos tudo isso quando passamos na pele. Não caiam mais nessas narrativas. Precisamos urgente levar os envolvidos para a justiça!

Não espere! Confie em Deus e faça o tratamento precoce!

Sentindo algum sintoma, procure um médico o mais rápido possível e entre com o tratamento precoce. Exija, se for preciso. Tratamento precoce salva vidas! E se puder ajude quem está próximo de você, acalmando, tendo fé, tirando esse medo que nos deixa inertes.

É fato, opinião, desabafo e tristeza! Triste pelo que fizeram no Brasil, no mundo.

 

 

Claiton Appel, para Vida Destra, 02/02/2021.
Vamos discutir o Tema! Sigam-me no Twitter @appel67

Obs. Publicado originalmente no Vida Destra.


Nenhum comentário:

Postar um comentário